O Facebook parece ter vazado seu headset all-in-one Oculus Quest 2, com a empresa se gabando de que será “nosso sistema de realidade virtual all-in-one mais avançado até hoje” (via Aiman ​​Farooq). De acordo com vários vídeos que vazaram no Facebook Blueprint, o fone de ouvido será menor e mais leve e virá com um tecido macio ao toque, ao invés de uma pulseira de plástico rígido como antes. Isso resolve a falta de conforto, um dos principais problemas que tivemos com o primeiro Oculus Quest.

O Quest 2 também seria significativamente mais poderoso, com o processador Snapdragon XR2 orientado para VR da Qualcomm em vez do Snapdragon 835. Ele vem com 6 GB de RAM de 4 GB e 256 GB de armazenamento para jogos e outros aplicativos, em vez de 128 GB. Mais importante ainda, o Quest 2 deve ser o fone de ouvido Oculus de mais alta resolução, com 2K por olho – 50 por cento mais pixels do que antes. O Facebook não revelou a taxa de atualização, embora os rumores apontem para 90 Hz em vez de 72 Hz com o Quest.

Facebook

Os controladores também são novos, com ergonomia atualizada “para uma experiência ainda mais confortável”, afirma a empresa. Além do mais, você pode “abandonar os controladores” inteiramente para alguns jogos, já que o Quest 2 também oferece suporte para rastreamento manual. Finalmente, o Quest 2 oferecerá recursos de áudio 3D para ajudá-lo a identificar de onde os objetos estão vindo durante o jogo.

Embora tenha sido originalmente lançado como um fone de ouvido autônomo, a Quest original foi eventualmente atualizada para suportar o conteúdo do PC Oculus Rift através do cabo Oculus Link. O Quest 2 terá esse recurso desde o início, permitindo que você jogue jogos avançados para PC, como Stormland.

O Quest 2 também deve funcionar muito melhor no modo autônomo graças às especificações mais fortes, já que o modelo original tendia a se arrastar para certos títulos. Embora a Oculus pareça ter resolvido nossa reclamação de conforto, ainda não sabemos se ela abordou nossa outra reclamação principal sobre o preço exorbitante de $ 499 do original. O maior buzzkill pode ser que agora você precisa de uma conta no Facebook para usar quaisquer novos produtos Oculus – algo que a comunidade Oculus não gostou muito.

Leia também  Intel renova seu logotipo e assinatura de áudio de cinco notas